Camapuã e Tucum

Dados Gerais

  • Localizados na serra do mar Paranaense
  • Como chegar: Siga pela rodovia Régis Bittencourt, sentido São Paulo. Fique atento após passar pelo posto policial perto do portal da estrada Graciosa. Logo após um posto Esso, haverá a entrada a direita, é uma estrada de terra que te levará até a fazenda da Bolinha, seguindo sempre pela estrada principal.
  • Quanto gastamos: Entrada / Estacionamento: R$ 15,00 por pessoa (Valor não fixo)
  • Pedágio: Não há pedágios neste trajeto
  • O que comemos: Sanduíches, ovo cozido, chocolate, e água!
  • O que levamos: Corta-vento: O clima muda muito rápido na serra do mar. Boné, protetor solar: Uma parte do trecho é feita a céu aberto, proteja-se!
  • Lanterna e apito: Previna-se! Caso você se perca, estes itens de segurança pode ajudar as pessoas a te encontrar!
  • Dificuldade: 7 (0 muito fácil – 10 muito difícil)

 

Nosso relato

Para chegar ao Tucum, passa-se pelo Camapuã ou por uma trilha “por baixo” por um desvio saindo da trilha que leva ao Ciririca. Todas as vezes que fomos, subimos pelo Camapuã!

O caminho é sinalizado com fitas, fique atento a elas, muitas pessoas já se perderam nestas montanhas, inclusive com uma fatalidade recente!

100_1846

O trajeto faz alguns zig-zags, atravessa-se um riacho 4 vezes. Não é todo o trajeto que é íngreme, há pequenos trechos planos.

Pequeno riacho
Pequeno riacho

A subida não é difícil, mas em alguns pontos precisa-se de um pouco de técnica e força, ou da ajuda de alguém. Para quem está moderadamente ativo, leva-se em média 3:00 para chegar ao cume do Camapuã e mais 40 minutos para chegar ao Cume do Tucum.

2 / 3  da trilha é dentro da mata, e em alguns lugares é bem fechado, é interessante estar de camiseta de manga comprida, para evitar arranhões.

O último terço do trajeto é a céu aberto, e é a subida mais íngreme do trecho, mas não é preciso escalar nada, somente a força muscular e capacidade cardiovascular para aguentar a subida.

Subindo os últimos metros!
Subindo os últimos metros!

Do cume do Camapuã é possível ver Curitiba, a represa do Voçoroca, o Pico Paraná e as principais montanhas famosas do Ibitiraquire.

Represa
Represa
Foto clássica
Foto clássica

Do Tucum, da para ver o Ciririca e todo o complexo de montanhas que se vê do Camapuã.

Camapuã, visto do Tucum
Camapuã, visto do Tucum
Pico Paraná, visto do Tucum
Pico Paraná, visto do Tucum
Luiz no topo do Tucum
Luiz no topo do Tucum
No cume do Camapuã, com o Tucum de fundo
No cume do Camapuã, com o Tucum de fundo

Mais fotos:

Panorâmica
Panorâmica
Aquele pontinho é o Luiz apreciando a paisagem
Aquele pontinho é o Luiz apreciando a paisagem
Hora de descer
Hora de descer
Também da para ver a Rodovia Régis Bittencourt.
Também da para ver a Rodovia Régis Bittencourt.
Nós <3
Nós ❤

 

2 comentários em “Camapuã e Tucum

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: